PATRÍCIA é jornalista e assina POETA. Eu sou ANGELA, Pedagoga e assino RAMALHO (o que não deixa de ter também a sua poesia). Fico pensando como seria divino assinar "Poeta" depois do nome. Até fiz uma poesia sobre isso! Esse blog é um espaço onde brinco com as palavras, fazendo aquilo que gosto. E o que eu gosto mesmo é de fazer poesias! Portanto, embora não seja PATRÍCIA, eu sou POETA!

terça-feira, 1 de abril de 2014

TER BLOG É SÓ PARA OS JOVENS?



TER BLOG É SÓ PARA OS JOVENS?

Angela Ramalho

Dia desses, ao verificar as fotos das edições passadas do Prêmio Top Blog Brasil, me dei conta da predominância de jovens entre os blogueiros (as). Imediatamente pensei: meu Deus, o que vou fazer no meio dessa moçada? 

A pergunta que me veio à mente foi exatamente a do título desse artigo: ter blog é uma atividade destinada somente para jovens? Existe realmente essa condição, relacionando “blogueiro/a” à idade cronológica? 

Não! A blogosfera brasileira não seria tão preconceituosa e antidemocrática. Mas tenho que reconhecer que ela é um reflexo da sociedade e a sociedade é preconceituosa e antidemocrática (não generalizando, mas é!). 

Nunca tive nenhuma pretensão com o meu blog, a não ser divulgar meus escritos, os eventos dos quais participo e minhas investidas no campo da literatura. Não sou nenhuma experts em blogs. Não sou formada em Letras, nem sou jornalista. Sou apenas uma pedagoga que gosta de escrever. 

Eu mesma produzo todo o conteúdo do blog. Disso não abro mão! Compareço aos eventos, tiro fotos, reúno material e ao chegar em casa, organizo a postagem. Ninguém põe o bedelho ali. O blog é meu e ponto. 

Também nunca perguntei a ninguém: Será que eu escrevo isso? Será que eu escrevo aquilo? Nada! Boto ali o que me vem na telha, assino e tá feito! 

Sempre vi meu blog como um entre milhares de outros. Comunzão! Mas era meu! Tai uma coisa que sempre imprimi nele: identidade. 

De inicio não sabia nem lidar com a plataforma. Foi um custo aprender a personalizar, inserir um gadget aqui outro ali, depois com o tempo, fui descobrindo o caminho das pedras. 

Agora estou lá, toda faceira, na final do Top Blog! Não sei atribuir ao certo o que me levou a isso, mas posso citar algumas questões que considero fundamentais: minha persistência, o entusiasmo pelo que faço, os muitos amigos que tenho, as instituições das quais participo e os familiares, sempre na torcida por bons resultados. 

Se a maioria dos blogueiros são jovens, eu serei exceção. Mas seguro essa onda com a mesma segurança e tranquilidade com a qual toquei o blog e a minha vida até aqui. Vou lá e encaro!

E se der para trazer o troféu, a blogueira sessentona aqui agradece!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...