PATRÍCIA é jornalista e assina POETA. Eu sou ANGELA, Pedagoga e assino RAMALHO (o que não deixa de ter também a sua poesia). Fico pensando como seria divino assinar "Poeta" depois do nome. Até fiz uma poesia sobre isso! Esse blog é um espaço onde brinco com as palavras, fazendo aquilo que gosto. E o que eu gosto mesmo é de fazer poesias! Portanto, embora não seja PATRÍCIA, eu sou POETA!

domingo, 12 de janeiro de 2014

POESIAS SENSUAIS - POESIA Nº 10 - MATÉRIA PRIMA

Texto incluído no meu primeiro livro "Palavras pedem passagem". Esse poema foi inspirado numa cena de banheiro feminino, onde uma moça retocava o batom vermelho, segundo ela, "para deixar o namorado louco". Esses "flashes" ficam gravados em minha mente e, na hora certa, viram poesia. 

MATÉRIA PRIMA
Sou eu que te acordo de sobressalto
e te faço carícias sem hora marcada
e te beijo a boca alucinada...

Sou eu que te atiço,
te boto feitiço,
te incendeio
de um fogo bom
e te deixo sem freio,
quando passo aquele batom...

Sou eu, sempre disposta
fazendo tudo que você gosta.

Sou eu: bicho, gente,
desejo quente, doente,
de ter você...

Sou eu, fonte do seu gozo
desejo gostoso
que eu teimo em sentir...

Sou eu sua matéria prima
poesia que rima
com o seu existir...

 

Angela Ramalho
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...