PATRÍCIA é jornalista e assina POETA. Eu sou ANGELA, Pedagoga e assino RAMALHO (o que não deixa de ter também a sua poesia). Fico pensando como seria divino assinar "Poeta" depois do nome. Até fiz uma poesia sobre isso! Esse blog é um espaço onde brinco com as palavras, fazendo aquilo que gosto. E o que eu gosto mesmo é de fazer poesias! Portanto, embora não seja PATRÍCIA, eu sou POETA!

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

ENGAVETANDO...

Poema por metáforas



PS:
Gente, escrevi esse poema e pouca gente entendeu. Usei de metáfora (falei por comparação subentendida), atribuindo à minha cabeça (ou ao meu pensamento) várias gavetas. 

Muitas vezes pensamos algo como certo e depois, ao refletirmos melhor sobre o assunto, mudamos de opinião. O contrário também acontece. Se analisarmos bem, algumas de nossas dúvidas passam a ser certezas.  

Dependendo do momento e dos acontecimentos à nossa volta, repensamos e mudamos tantas vezes quantas forem preciso e isso é altamente saudável. Como bem disse Chico Buarque: “Eu não tenho medo de mudanças. Eu tenho medo quando as coisas nunca mudam”

Pois bem. As gavetas são meus pensamentos. Tenho gavetas de dúvidas e de certezas. Ambas cheias. Quando um pensamento está na gaveta das dúvidas e é repensado, sai dessa gaveta e vai para a gaveta das certezas e vice versa. 

Muitos pensamentos desorganizam a minha mente (ops, as gavetas!). Para onde vou eles me acompanham por isso ando “engavetada” até o pescoço (inventei isso para brincar com quem anda “engravatado”. 

Conforme vou vivenciando coisas eu abro uma dessas gavetas (ou ambas). Acertar é uma incógnita, mas tudo é aprendizado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...